Existência Relativa

7 de July de 2015

Memórias  

Filed under: Uncategorized — Mãe de 04 @ 10:49 PM

à número um garanta que foi um ser de muita luz e que me livrou de todo mal amém. que aprendi muito, que me desafiou e eu aceitei com amor e afinco o desafio de compreender a mim e à ela. que tentei dar o meu melhor, mesmo envolta de toda a ignorância que nos cercava e que a desejo parcimônia. que mantenha solidariedade como principal virtude.  

à número dois garanta que seja fantasiosa. que saiba do desejo de tê-la aqui e que com ela reaprendi ao aprender. peça que continue doce e criativa.
à número três garanta que possa sempre falar mesmo que trave mil vezes antes de completar um pensamento. que seja sempre desafiada a fazer o justo e o correto. desejo coragem para ser doce e amanteigada. 

ao número quatro garanta que saiba o quanto fui surpreendia com a sua inesperada chegada e o quanto fiquei completa ao finalmente recebê-lo. que continue com seu intenso senso de humor e perspicácia. 

queria ser mãe por completo, aprender ainda mais com vocês e espero que compreendem um dia o tamanho do céu de amor que existe aqui, nesse exato segundo.

Advertisements

Leave a Comment »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: